Milhares de sapateiras vão ser mortas amanhã e existem maneiras correctas e maneiras erradas de o fazer. Eu vou ter de limpar o sebo a duas! Por isso, fica aqui o meu guia pessoal de como se deve e não se deve matar uma sapateira.

Correcto:

Dar vinagre a beber à sapateira. Não vale a pena encherem um copo de shot para os dois e cantar "e se a sapateira quer ser cá da malta ???? tem de beber esse copo até ao fim ????" porque ela não vai entender. A sapateira é um bicho estúpido como os gatos, mas menos saboroso. Agarrem a sapateira com firmeza pelo casco. Sem medos. Podem olhá-la nos olhos. Aqueles olhos de ET que ela tem. O mínimo que ela merece antes de ser transformada em paté para tostas do LIDL, é poder olhar o seu carrasco olhos nos olhos. De seguida, deitem-lhe um pouco de vinagre na boca enquanto dizem "shhhhhhhh... calma... está tudo bem... shhhhh". Ela pode espernear (ou espatar!) um pouco, mas nada que duas mocadas com ela no balcão da cozinha não resolva rapidamente. Caso ela ainda se mexa muito, administrem-lhe um pouquinho mais de "cianeto de sapateira". Quando ela estiver quase imóvel, podem pegar-lhe e ir assustar uma gaja qualquer (há sempre uma que tem medo de sapateiras vivas ou mortas). Podem fazer uma vozinha para a sapateira enquanto fazem isto. Depois é só meter no tacho com bastante sal a cozer entre 15 a 20 minutos. Poderão também colocá-la previamente no congelador como se ela fosse uma embalagem de Cornettos, para a sapateira ficar meio dormente. Se tiverem pena da sapateira, arranjem-lhe um gorrinho e um casaquinho de malha antes de a colocarem lá dentro para ela não se constipar.

 Errado:

Pegar numa sapateira, cortar-lhe uma das patas pequenas e gritar nos olhos da outra com sotaque brasileiro:
- "Eu vou perguntar uma vez só: quem tava com a carga? Fala! Você é o quê? Você é uma sapateira?"
Pegar na outra que tem as patas todas e segurá-la junto ao tacho de água a ferver enquanto se grita para a outra:
- "Tá vendo isso aqui? Tá vendo esse buraco aqui?" (é normal que a sapateira não responda).
Largar a sapateira viva na água a ferver (vão dar cabo do sabor da mesma!) e gritar para a outra:
- "Quem matou esse cara aqui? Quem matou esse cara aqui? Você viu! VOCÊ VIU! Quem matou, pode falar! Pode falar, fala! [mocadas na casca da sapateira que resta] Fala, fala, quem matou? Quem matou essa cara aqui foi você! Seu viado! Sua sapateira maconheira! Cadê o Baiano? Cadê a porra do Baiano, filha da puta? Zero 2, pega a vassoura e o saco para ver se ela fala."

Ok, aqui devem parar com isto tudo. Quando se começa a considerar meter vassouras em cus de sapateira, é hora de reduzirem um pouco na bebida.

T-shirts

t shirts do ruim

T-shirts do Ruim na loja online do Cão Azul.

COMPRAR T-SHIRTS

O Livro do Ruim

livro do ruim

A compilação dos melhores textos da página e com prefácio do não tão conhecido Quimera.

COMPRAR O LIVRO

Quem?

ruim o rui conceicao

O auto-proclamado autor, guionista, blogger e comediante.