Cátia, desde que fiz este pudim, fiquei finalmente a perceber o sentido da vida. E tu? Não gostas de pudim?

Não é não gostar, simplesmente ainda não se deu...

Não percebo como é que TU consegues viver sem pudim. Mas só vais perceber quando fizeres um. Até lá, não percebes nada da vida.

O pudim dá muito trabalho? Parece que sim...

 

TU NEM IMAGINAS O QUE EU SOFRO! Aliás, vês pela quantidade de fotos de pudins que coloco juntamente com #amordepudim #nãoseexplica #sentese que eu não tenho tempo para mais nada...

Excepto para andares à procura de palmadinhas nas costas por fazeres aquilo que seres humanos fazem desde os primórdios da civilização. Para isso há sempre tempo.

Tu não percebes. Não tens um pudim em casa, não percebes. Quando tiveres um pudim, logo falamos. Eles são a minha vida e a coisa mais importante do mundo. Não há dia que eu não pense em todos os pudins que há no mundo.

E se eu te disser que não consigo fazer pudim?

 

Há muitos pudins já feitos e que podes comprar.

 

Eras capaz de comprar um pudim já feito?

Achas? Credo. Gosto de pudim, mas calma. Sei lá o tipo de merdas que eles metem nesses pudins. O meu pudim é o mais lindo...

Não. O teu pudim é o mais lindo porque é o TEU pudim. Mas olha que para os outros ele parece um pão-de-ló pisado por um bando de visigodos.

MAS TU DISSESTE QUE ELE ERA LINDO QUANDO TE MOSTREI.

Pois... tu não percebes.

Não percebo o quê?

Tu não percebes. Não tens uma amiga chata dos pudins. Quando tiveres uma assim, logo falamos.

T-shirts

t shirts do ruim

T-shirts do Ruim na loja online do Cão Azul.

COMPRAR T-SHIRTS

O Livro do Ruim

livro do ruim

A compilação dos melhores textos da página e com prefácio do não tão conhecido Quimera.

COMPRAR O LIVRO

Quem?

ruim o rui conceicao

O auto-proclamado autor, guionista, blogger e comediante.